sábado, 27 de março de 2010

Caixinha de download

Pois é. Montei uma. Estava cansado de deixar o desktop ligado, baixando coisa. Reuni paciência, e montei o seguinte conjunto:

1) 2GB DDR2 533
2) 1 Seagate 7200 1TB (queria o de 5900, mas não tinha)
3) Gabinete mini-ITX
4) Placa mãe Intel D945GCLF2D, com um Atom 330 soldado.
5) Placa de rede Planet safada, 10/100

O reultado é mais ou menos esse aqui:


O gabinete é bom, possui boa ventilação (apesar de eu ter colado um cooler de 8cm naquela grade no topo) e aceita um HD, um leitor de cartão interno (ainda não coloquei, mas acompanha o gabinete) e um DVD. Que não coloquei e nem vou colocar.

Possui botão de liga/desliga e reset. Pode parecer bobeira dizer isso, mas já vi muito gabinete sem botão de reset - e isso eu não aceito.

Tem os dois USB frontais e as clássicas entrada e saída de áudio (ocultas por uma tampa, logo abaixo dos botões e dos LEDs).

E os LEDs. Um para indicar ligado/desligado, outro para atividade no disco, e um terceiro. Para atividade na rede. Não é bonitinho? :) Se eu tivesse reparado nisso tinha investigado melhor qual plaquinha 10/100 comprar... Seria bom ter uma idéia da atividade na internet só de olhar a cara do computador...

Desempenho:

Fiquei muito bem impressionado com o desempenho do bichinho. Não é um Core I7, claro. Mas, segundo meu nobreak, o conjunto consome uns 40W no total. Uma senhora economia.

Baixando 3 torrents, com velocidade total de 350 KB/s, mais uma transferência de arquivos via NFS em uma rede fast ethernet (média de transferência de 11MB/s, com picos de 11,4), não vi a CPU passar muito de 12%.

Vocês devem estar se perguntando: "Mas a placa já vem com uma gigabit onboard! Para que comprar outra placa? E fast ethernet, ainda por cima!"
Simples. Estou usando ele de roteador/firewall também. Coloquei a placa safada para a Internet, e deixei a gigabit para a rede interna.

"Mas se a placa interna é gigabit, que história é essa de fast ethernet no servidor NFS?"
Bom, a placa é gigabit. Ninguém disse que meu desktop (e o switch) eram gigabit também. :D

Mais um detalhe: O gabinete que eu escolhi é "low profile", o que significa que uma placa ethernet comum não entra - por causa da altura. Escolhi uma cuja placa de circuito fosse baixinha (acho que todas são assim hoje) e cortei o espelho metálico para caber no gabinete. É, eu sei. Tosco e grosseiro.

A alternativa era comprar uma placa Low Profile da intel. Achei, a mais barata, por R$ 145,00. Se habilita? Eu paguei R$ 17,00 na fast ethernet safada, com um chipset Realtek 8139. Mais do que suficiente para lidar com meus 4 Mb de Internet.

Curiosidade:
Montei uma máquina semi-gêmea para uma atendente na empresa. 2GB DDR2 800, 500GB HD, e sem placa de rede extra. Mesmo gabinete. Está rodando Windows XP atualizado, com Kaspersky Internet Security 2010 e as coisas de sempre: OpenOffice, Thunderbird, navegação em geral e o programa que vendemos (ela dá suporte ao cliente).

Desempenho muito bom, funciona lindamente e ela está toda feliz com a máquina bonitinha. Fica a dica. Se quiserem algo para tarefas simples, este conjunto atende direitinho.

Nota1: Jogos NÃO são atividades simples.
Nota2: Testei vídeos no Youtube, e ela passa usando menos de 20% da CPU.
Nota3: Não testei vídeos HD/FullHD. Não sei como se comporta.

3 comentários:

Vitor Diniz disse...

Maravilha esse produto... Quando começa a vender... preciso de um... Brincadeiras a parte... será que tem uma Caixinha de download para vender no mercado?


Te convido a visitar meu blog:
http://www.vitorconsidere.blogspot.com

Emanuel disse...

Passando...

Marcelo Rodrigues disse...

Vitor, tem algumas. Não vi no mercado brasileiro, mas lá fora existem coisas interessantes.

Alguns links que podem interessar:
http://www.globalscaletechnologies.com/p-22-sheevaplug-dev-kit-us.aspx

http://en.wikipedia.org/wiki/SheevaPlug

http://www.tomshardware.com/news/marvell-sheevaplug-plug-computing-linux,7104.html

Pesquise a Internet